Estoy con la cara na chón…oh yeah! (Updated sobre o constrangimento que a Espanha nos fez passar)

G’day, gente!

Ainda estamos no dia 23 de fevereiro.
O Oscar ® é amanhã e eu quero dizer que não simpatizava muito com o Javier Bardem – idiossincasias minhas, claro, aliadas ao meu amor indestrutível pelo Clint Eastwood (pelo Clint recusei o Benicío del Toro, o Sean Penn que se divorciou duas vezes, e mais outros que a modéstia me impede de mencionar. Porém, ai porém…laialáaaa! eu acabei de assistir a uma uma entrevista feita por uma jornalista espanhola a esse homem (e que homem! esse espécime fabuloso de humano) e estou acachapada!!!. Nunca imaginei que um grandalhão desses pudesse ser tão consciente, tão inteligentíssimo, e principalmente dotado de uma capacidade de analisar o mundo que me deixou beige.
Ah, Meg Maria, como você é preconceituosa, você ainda tem que aprender muita coisa…. você num sabe é de nada! Como diria o Francis Bacon: isso é *idola fori*, que vergonha!
Vou tentar se for possível traduzir a entrevista ou colocar alguns spotlights do que ele falou.

bardem
Actor Javier Bardem of “No Country For Old Men” at the 2007 Diesel Portrait Studio.Presented by Wireimage and Inside Entertainment on September 8, 2007 in Toronto, Canada.
Mas um coisa ele disse e fui me desmilinguindo:
“É uma aberração de nossa sociedade que se mobilize tanto e dê tanta importância a artistas de cinemas e às ditas celebridades.
Essa importância é devida (devia ser transferida) aos médicos aos cientistas que lutam para decobrir a cura do câncer, e de outras doenças , aos ambientalistas e preservacionistas… aos que lutam pela paz”. Carácoles!!!!!
Dude, eu vou ticontar, por mim o Oscar ® é todo seu, sempre e em todas as categorias.

Ah! sim;-) perguntado qual o ator que mais admirava ele foi pronto e listo: Daniel Day-Lewis…Será? Ele não lembrou que a resposta certa deveria ser Clint Eastwood. Mas tudo bem, nobody is perfect, right?
P.S Magaly, minha maga, eu aaamoooo você.
P.P.S. Estou muito magoada e sentida e triste porque ninguém comenta no meu Flickr… Gente quando a gente está sozinha e se fica sem feedback, a gente erra mais… Isso num se faz Arnesto… eu faço tudo bonitinho procêis e…: o((( Humpft!
Ele é meio *zolhudo* né, não? Ou as uvas estão verdes???;-)

***********
RESPOSTA SUPER RÁPIDA MAS MUITO CARINHOSA AOS COMMENTS:
Mas você são muito é lindos e queridos, isso, sim!;-)
Gente, estou *prejudicada respiratoriamente*, como sabem, porém, laialáááá (aliki, ma belle, eu adorei, esse lalaialaá no postcard Imagine foi tudo di aussi charmant! ) então, como eu ia dizendo, com Deus e a Virgem, como se diz por aqui, a coisa anda. Eu tava pior, mas já estou “sofrendo normalmente” – como diz a letra de Chico Buarque em “Ela desatinou”.

Lord MacBroken-Potterry, (adoro você, taí Lady Cordelia queridíssima que saberá relevar): Beautifully said! É isso mesmo. Você tem toneladas de razão. E, como não podia deixar de ser, como eu sempre serei uma agregadora;-), quero que leia o que diz minha preciosíssima Aliki : No filme O amor nos tempos do Cólera, Bardem nada a ver! Imagine que ele contracena com a nossa Fernandona.(Fernanda Montenegro, para os menos íntimos) Por que? Não há atores de idade compatível, excelentes coadjuvantes, encostados e sem emprego? Dignos atores? Não sei… mas concordo plenamente com Aliki..(Aliki,querida, não deixe de ir sempre que possa ao blog mais maravilhoso de escritor/escritura (já que a nossa amada Vivina é uma resistente e não cede aos rogos nossos). Lord e Aliki considerem-se aprsresentados! como amigos queridos.

Marie Tourvel (eu também prefiro o Feiomar hohoho) e Rose, minhas queridas , obrigada! Nelsinho, com seu adorável blog de *MUKANDAS*; Magaly, amiga de alma, e querida Aninha Pontes: Vocês só me fazem feliz e me sinto uma superstar porque vocês me escolhem e comentam.;-)

Obrigada, amigos. Torçam aí por mim, que logo estarei de volta, sem os horrores da tísica.

IMPORTANTE: Bem, não sei o que diga, mas minha solidariedade à professora, física, pesquisadora brasileira e meu repúdio ao que lhe aconteceu em terras de Espanha
Aqui pra nós, gosto muito da Espanha, estive lá algumas vezes, tenho amigos lá, e sinceramente não compreendo a razão de tamanho constrangimento, que – novesfora os espanhóis – só mancha os que tomaram essa atitude vergonhosa. Repúdio que estendo à morosidade da diplomacia brasileira, ou seja o consulado brasileiro lá, em teras de Espanha. Mas o que que é isso!!!!???!!!!!! Pensando o quê?
Toda a solidariedade a Patricia Magalhães e seus pares.
Estou insultadíssima. E nós todos brasileiros deviamos ficar. Vamos aprender um pouco mais de História da relação entre esses dois países. Inaudito. Qué verguenza!!!! Já pensaram João Cabral de Mello Neto?!!!!

Foi preconceito social e sexual” diz Patricia ——- leia aqui, se não é assinante da Folha de S. Paulo.

Atenção na proposta da Luma sempre querida e participante!

“Luma | luma2r@bol.com.br | luzdeluma.blogspot.com

Meg, no dia 08 de Março, haverá uma blogagem coletiva pela “Valorização da Mulher brasileira” – Duas blogueiras brasileiras que moram fora do país estão promovendo – Lys e Meire – http://universodesconexo.wordpress.com/2008/02/05/blogagem-coletiva-para-a-valorizacao-da-mulher-brasileira/
http://www.meiroca.com
A Lys tal qual a brasileira professora de física, passou por situações perante colegas de colegas de trabalho (Ela é astronoma) e teve a idéia da blogagem. A Meiroca apoiou.
Se quiser dar o seu pitaco, esteja convidada.”

Estendo o convite a todos, homens e mulheres, OK? Beijos, Luma querida.