“LETRILLA”(*)


Found

source: liverpoolmuseums

Letrilla
Luis de Góngora

Ándeme yo caliente
y ríase la gente.

Traten otros del gobierno
del mundo y sus monarquías,
mientras gobiernan mis dias
mantequillas y pan tierno,
y las mañanas de invierno
naranjada y aguardiente,
y ríase la gente.

Coma en dorada vajilla
el príncipe mil cuidados,
como píldoras dorados;
que yo en mi pobre mesilla
quiero más una morcilla
que en el asqador reviente,
y ríase la gente.

Cuando cubra las montañas
de blanca nieve el enero,
tenga yo lleno el brasero
de bellotas y castañas,
y quien las dulces patrañas
del Rey que rabió me cuente,
y ríase la gente.

Busque muy en hora buena
el mercader nuevos soles;
yo conchas y caracoles
entre la menuda arena,
escuchando a Filomena
sobre el chopo de lal fuente,
y ríase la gente.

Pase a media noche el mar,
y arda en amorosa llama
Leandro por ver su Dama;
que yo más quiero pasar
del golfo de mi lagar
la blanca o roja corriente,
y ríase la gente.

Pues Amor es tan cruel,
que de Píramo y su amada
hace tálamo una espada,
do se junten ella y él,
sea mi Tisbe un pastel,
y la espada sea mi diente,
y ríase la gente.


-1581

Luis de Gongora (1561-1627)

****

(*) As letrillas mais famosas e conhecidas, poderia até se dizer as mais conhecidas e comuns são as satíricas. O grande exemplo são as de Quevedo. Já o nosso grande Gongora y Argorte destacou-se pelas de cunho lírico. A letrilla , por definição , são composições poéticas breves, estrofes simétricas que terminam sempre pelo mesmo mote, pensamento ou estribilho.

Tão vendo o que faço por ustedes? Y riase la gente :-)

Sobre sub rosa
The most of all things and persons in the entire world drives me *flabbergasted". That includes me.

4 Responses to “LETRILLA”(*)

  1. marilia disse:

    Adorei.
    E adorei vc aqui.
    bj

  2. sub rosa disse:

    Marilia,
    te adoro.
    Obrigada por vir sempre.
    Mas vou pedir para ser feito um post para avisar duas coisas:
    a) não recebo por email notificação de que há comentários.
    b) Ainda estou sem poder blogar daquele jeito que a gente gosta.
    Como eu disse à Janaína uma vez por semana deveria bastar. Mas aqui pra nós: a quem eu quero enganar.
    Então estou em casa, mas .. daquele jeito.
    Uns dias mais, uns dias menos…
    Ent~´ao , se me pedoarem, eu blog e respondo comentários depois, OK?
    Juro!!!
    Nunca deixei ninguém falando sozinho. Embora também, nunca tenha respondido protocolarmente. Respondo pra valer. Eu é que que já fui deixada falando só..mas eu gostcho… hohoho
    Beijos e peça uma reza forte daquelas de mãe para sua mammy e amigos. OK?

    M.eguita:-))))

  3. Magaly disse:

    Gostei das Letrillas Como serão os sonetos deste poeta que não chegou a ver suas Letrillas publicadas? E os romances? Está aí. Fiquei curiosa, Durma bem, vou aproveitar o resto desta madrugada friinha. Meus pés sestão gelados.
    Ciao, bella!

  4. Meg, querida,
    Hoje eu estou meio nonsense, surrealista, letrilla não sei porque me lembra sopa, sopa de letrilla.
    Fui!
    Beijo grande

%d blogueiros gostam disto: