Valter Ferraz – Lançamento e noite de autógrafos

convite_livro_valter.gif
Clique para ver ampliado.

Nunca aceitei a expressão “eu vou ser escritor”, larguei minha profissão para “virar escritor”. Todos sabem que sou pessoa delicada, calma e tolerante, uma flor de pessoa;-))). Mas confesso que viro uma jaguatirica quando ouço ou leio tais expressões. Ninguém “vira escritor”, ou “torna-se escritor” . Alguém é ou não é escritor. Acontece que no Brasil, por dá cá aquela palha todo mundo escreve, tudo é motivo de livro, parece até que há mais (pretensos) escritores que leitores. Daí ocorre que muitas vezes bons escritores ficam inéditos por muito tempo.
É o caso de Valter Ferraz. Demorou pra “enlivrar-se“, mas quando o fez, fez muitísimo bem. (Demorô para abalar)
E você pode conferir: Seu primeiro livro “Capão, outras histórias” pode ser visto, em praticamente todos os detalhes, aqui.
Eu nem vou falar muito. Só sei que o livro é muitíssimo bom, pois se não fosse não seria prefaciado pelo escritor Ricardo (Ramos) Filho e nem apresentado pela escritora Vivina de Assis Viana.
No projeto gráfico, a bela capa é de Ery Roberto, que também escreve *aqui*.

Então, meus queridos, de todo o Brasil, e mais especialmente os de São Paulo: Ai de quem não for à noite do lançamento e dos autógrafos! – (não esqueçam que I have my people, hein?, sei de tudo). E para comprar essa maravilha de livro é só seguir esas instruções aqui..

O livro é tudo, comovente, excitante, denunciador, realista e é uma grande crônica – no sentido histórico da palavra chronikós– narração de acontecimentos no bairro Capão Redondo, em São Paulo. Mas que poderia ser em qualquer lugar, perto de você, hoje.
Tão bem feita , a começar pela epígrafe de que gosto muito. Tudo o mais é tão eletrizante quanto.
SERVIÇO:
Capão, outras histórias
Autor:Valter Ferraz
Quando: Quinta feira- 6 de Dezembro de 2007
Horário: A partir de 19:00 h
Local:Bar Canto Madalena
Onde Rua Medeiros de Albuquerque 471 – Vila Madalena
Fone 11-3183-6814
São Paulo – Sampa.
Quanto: 20 bucks, pilas, dinheiros…
Valter, querido: Parabéns, todo o sucesso do mundo. Tenho certeza de que (por ectoplasma) Plínio Marcos e João Antônio hão de estar lá.
******
P.S. O noivo…ops, desculpem, o escritor, tem andado muito nervoso esses dias.;-))).
E peço a todas as queridas pessoas amigas paulistas ou não que divulguem este importante acontecimento, OK? Muito obrigada.

Oh , querida, obrigada ;p) . Viu só? fui falar do noiv, digo, do escritor;-) hohoho.