VENEZA 2007: adivinhem quem está lá, quem?

Um break na história das HQ. Retirei o post; era necessário . mas ele volta, OK? Agradeço a todos que já haviam lido e comentado. Aninha, Palpi, Aliki, Yvonne e Ed. Muitos mercis, queridos:-) Porém, uma boa notícia: como eu tenho leitores meg-avilhosos, inteligentísimos e que acham que o assunto pode ser legal para todos, há algumas preciosas colaborações do Carlos e da Nanda que é fera em HQ. Concordo. A gente deixa de falar e depois fica dizendo que brasileiro não lê, e this and that… O que vocês acham? Vocês sabem que se disserem não, eu obedeço:-) Mas, mesmo antes, houve respostas fantásticas que me instruíram muito a respeito. Não sei se viram, uma delas fala sobre as HQ serem ótimas para libertar o leitor de um certo *temor reverencial* que se têm por certos livros, nem precisa ser clássico.
Putzgrilo, se isso não for uma bela duma análise , por um viés rico e original, então, eu sou um zumbi. Falando por mim,, temo e tremo só de pensar que um dia lerei um livro do “magnífico” Thomas Bernhard. O que deve ser uma grande mancha e lacuna na minha vida. Hélas!
Vamos então ao assunto do título:

Fiz no dia 28 , com dois dias de antecedência, um brief (break news) sobre Veneza e seu Leão de Ouro. [Imaginei que começaria logo hotter than never]. Dedicado à minha querida Fezoca e ao Moa, que fazem o Cinefilia, insisto, o melhor blog sobre cinema. Ever!;-)))
O Festival de Cinema de Veneza comemora este ano (de 29 de agosto a 8 de setembro) a sua 75ª edição. Mas isso tudo você pode saber everywhere. A blogosfera está cheia, quer dizer, quase.
Mas… o mais importante é que além do filme sobre o Bob Dylan, que fica meio complicado depois do filme do Scorsese, mas é outro ângulo, bom, além disso, repito, o meu amado vai estar lá em posição de destaque:
Há uma seção consagrada a mestres do cinema (Woody Allen, Claude Chabrol, Takeshi Kitano, Manoel de Oliveira, Im Kwon Taek, Julio Bressane e Carlo Lizzani) e uma retrospectiva de filmes de western italiano sob curadoria de…. aew!, Quentin Tarantino.
Viram?, Sentiram com quem estão lidando hohoho. É isso aí, o Taranta entende de tudo (tudeodó) sobre cinema e já fez um artigo memorável para o NYT (The New York Times) há cerca de três anos, sobre diretores e os melhores -piores também- filmes desse gênero nobre do cinema. Quem sabe, sabe. Existe uma ontologia e uma metafísica neles. Basta querer ver. Mas mesmo que não houvesse nada disso, continuaria sendo o gênero por excelência do cinema. Para quem duvida, recomendo o livro de um autor brasileiro, para variar um pouco a sempiterna citação internacional. É o livro do saudoso e competentísimo Paulo Perdigão (o PP) que escreveu sobre o diretor George Stevens e dedicou um belíssimo e precioso livro ao filme SHANE , que (don’t even ask) recebeu no Brasil o título famoso por ridículo – “Os brutos também amam”. Se tiverem sorte, encontrarão: Perdigão, Paulo. O western clássico; gênese e estrutura de “Shane”. Porto Alegre, LP&M, 1985.
(fiquei emocionada ao escrever isso , PP morreu em janeiro deste ano. Dedicou também um livro ao programa PRK-30 que era delicioso. (olha só, gente não é do meu tempo, embora eu tenha 412 anos. Conheço uma mulher que, quando alguém é inteligente (não que seja o meu caso) ou que é versado em algumas coisas a mais, ela logo *julga e dá o veredito*: Ah se sabe tudo isso é porque velho/a! Putz, what a moron!. Bon, voilà, agora com carinho para a Fer, e para todos, evidentemente: veneza3_bob_dylan.jpg
Heath Ledger é um dos seis atores no papel de Bob Dylan em ‘I´m Not There”, (“I’m not There” (Todd Haynes, EUA) – concorrendo.
=-=-=-
veneza1_3_chabrol_lafille_coupee_endeux_hors_concours.jpg
La fille coupée em deux, de Claude Chabrol (a-do-ro!) – que é claro, hors concours
=-=-=-=-=
veneza_keira_knightley.jpg
Keira Knightley que (abrirá) abriu o festival ontem com o filme “Atonement” (“Reparação”, o tema do Festival é esse – Reparação- de Joe Wright – Keira é linda mas não mais que…
veneza4_fanny_ardant.jpg
=-=-Fanny Ardant=-=-=-=-
Agora duas coisas que precisam ser ditas e por ordem de importância, aliás três coisas: A primeira, claro, é a importante e crucial participação de San Quentin Tarantino, isso nem se discute, não é?;-)))
2-Excelente saber que Glauber Rocha volta restaurado (claro que é metonímia) E a outra, a mais arrasadora;-)) : Jude Law (notem que comecei a notícia por ele, ai!) pois bem, o filme em que Jude Law atua é Sleuth e é nada menos que uma *refação* (brincadeirinha) é um ‘remake’ de um dos filmes mais impressionantes que já vi com o título de “Jogo Mortal”, de 1972. (acalmem-se, eu vi na televisão)
Mas vejam só: “Michael Caine e Jude Law se enfrentam numa nova versão, reescrita pelo dramaturgo Harold Pinter, do thriller de 1972 “Jogo Mortal” (“Sleuth”), com Caine no papel do escritor mais velho que entra num jogo de gato e rato com o jovem amante de sua mulher.
sleuth.jpg

Os dois filmes, claro, se basearam na peça de Anthony Shaffer. Ah! e essas coisas gostosinhas de se saber e que depois tomam o nome de *TRIVIA*;-) O Michael Caine faz agora o personagem antes interpretado por Sir Laurence Olivier.
Claro que tudo isso já saiu no Estadão (pisc*) mas o que não saiu foi isso:
Lo and behold: Vem cá, se este filme não ganhar o Golden Lion , então realmente, de uma vez por todas não há justiça neste mundo!!!!.:-)
Ah sim, O filme fica por conta do (outrora bom) diretor Kenneth Branagh

O site oficial é aqui: Mostra Internazionale d’arte cinematografica E todos sabem que o Festival é uma das partes da Bienal de Veneza, não é?
E o de Sleuth, que já antes de tudo, vai se torrnar um dos meus filmes de culto. SLEUTH

Sobre sub rosa
The most of all things and persons in the entire world drives me *flabbergasted". That includes me.

10 Responses to VENEZA 2007: adivinhem quem está lá, quem?

  1. Ery says:

    Meg, querida! Você tem que me desculpar ainda não ter lhe respondido aquele e-mail da pesquisa sobre HQ. Ando atarantado demais com o trabalho, final de mês é uma carga terrível. Mas prometo responder. Aguarde. Beijão.

    =-=-=-=-=
    Oi, Ery:-)))
    Que alegria ter você aqui, que bom!
    Claro que não faz mal, no problem.
    Quando vc responder tá respondido, se não escreva no comment do post que voltará.
    O ‘problem’ é você estar sempre tão ocupado. Quem gosta de você , isto é, todos nós, sente falta.
    Um excelente final de semana, querido
    Beijos
    Meg

  2. palpiteira says:

    Queria estar em Veneza, sentada à uma mesa do Caffé Florian, na Piazza San Marco, ouvindo as histórias desses filmes todos que você tem pra contar. :)
    Beijo.

    =====
    Hahahah!
    Ih é!!!!
    Putz, se quando eu escrevei me lembrasse do quanto que você é viajada…;-)
    E não é que não me lembrei?
    A Piazza, a Piazza e gli piccioni;-)))
    No próximo estaremos lá, credia me:-)
    (Palpi, querida, desculpa o seu comentário anterior vai voltar, certo?)
    Mille baci, bellissima.
    Meguita

    P.S. Tem que ler cantante scherzo!

  3. Pingback: University Update - Keira Knightley - VENEZA 2007: adivinhem quem está lá, quem?

  4. Meg, querida,
    Sou fã, de carteirinha, da Keira Knightley. A moça, além de ótima atriz e linda, fala inglês. Como deve ser falado, belíssimo.
    Beijo

    =-=-=-=-=-=-=
    Querido Lord:
    Eu já até adivinho quando você reflete o anglófilo que é;/-))
    Só eu sei como é difícil far com este accent “belíssimo”;-)
    O seu comentário me faz lembrar o Professor Higgins do My fair lady;-)

    Tudo sobre a sua admirada está aqui: http://www.universityupdate.com/Celebrities/Keira_Knightley/4918588.aspx

    Um abraço londrino
    Meguita

  5. Magaly says:

    Hora de ficar caladinha, só ouvindo.Muito fora do presente, desconecendo o que se passa no meio cinematográfico.. Vergonha, né? Não consigo dividir o tempo pra tanta coisa!Mas fiquei com inveja de não ouvir o inglês da mocinha lá, a Knightley. Se é uma coisa maravilhosa é o inglês bem falado, o inglês fino, o inglês autêntico.

    Encerrou brilhantemente o tema HQ. Beleza pura..

    Vou agora comer uma pizza feita pelo meu neto. Pode ficar com inveja. Faz tão bem como o avô,

    Beijocas
    =-=-=-
    Maga ly nda, vou esperar vc depois da pizza..vá e volte num minutinho.
    Grandes emoções;-)
    O claudio vai nos entalhar:-))
    beijos e volte,
    Come, come, come back
    Smacks imensos
    Sua Meggy

  6. Magaly says:

    Só voltei agora. Não dava pra voltar sozinha e tive que esperar um cavalheiro disponível que me acompanhasse. Como só havia dois (o mulherio domina o espaço), a demora foi grande.Ficou tarde até para telefonar.A pizza estava sublime e só me satisfiz depois do quarto pedaço
    Inveja? Paciência!
    beijinhos de compensação, tá?
    ====
    Maga, eu vou contar ao Lord Broken-Pottery, nossa autoridade e majestade máxima, que vc anda me provocando.
    Ele é que dirime essas questões.
    ;-))
    Inveja, eu?
    Se ainda fosse daqueles bombons meg-avilhosos, cheios de licor e outros etílicos…:-)
    Beijo, criança
    Meggy

  7. Magaly says:

    Desculpe as falhas da digitação.. Só aqui, no publicado, que tem a letra maiozinha, é que vi os erros..Estou enxergando mal, uma chatura.

  8. Olá, demoiselle. Pisc pra você também.

    Sabe que estou super ansioso para assistir o Reparação? Li o livro há pouco e gostei muito, o que me fez interessar mais por Ian McEwan.

    Abraço apertado.

  9. oh,meudeuso! sera que eu vou conseguir ver esse filme sobre o Dylan sem chorar? ;-))

    beijoo!

  10. Pingback: DE PALMA, prata, Ang Lee, oro in Venezia! « Sub Rosa (flabbergasted) v.2

%d blogueiros gostam disto: