MM- 45 anos depois.:o(

Marilyn Monroe (Marilyn Monroe (1926-1962)
marilyn in red

A pessoa que não consegue enfrentar a vida – sempre precisa, enquanto viva, de uma mão para afastar um pouco de seu desespero pelo seu destino… mas com a sua outra mão ela pode anotar o que vê entre as ruínas, pois vê mais coisas, e diferentes, do que as outras; afinal está morto durante sua vida e é o verdadeiro sobrevivente.”
Franz Kafka. Diários. Apontamentos de 19 de outubro de 1921

Não é a mais bonita – embora seja comovedora e lindíssima- e nem a mais inteligente – embora tenha sido de uma fulgurante inteligência e dona de um *wit* inigualável, até hoje – e aprendi isso lendo meu primeiro livro a respeito dela que foi Marilyn de Norman Mailer – no entanto, nunca, nunca mas nunca, jamais houve alguém a quem se possa chamar verdadeiramente de estrela – *estrela de puro brilho* ou mesmo de ídolo.
Some quotes:
• I don’t know who invented high heels, but all women owe him a lot.
• I don’t mind living in a man’s world as long as I can be a woman in it.
• Hollywood is a place where they’ll pay you a thousand dollars for a kiss and fifty cents for your soul.”
• I have too many fantasies to be a housewife…. I guess I am a fantasy.
• A career is wonderful thing, but you can’t snuggle up to it on a cold night.*
*********
A melhor para mim, está em um de seus filmes:
Ela impersonating “Lorelei Lee”:
“Don’t you know that a man being rich is like a girl being pretty? You wouldn’t marry a girl just because she’s pretty, but my goodness, doesn’t it help?”
In: Howard Hawks’ Gentlemen Prefer Blondes – 1953)

“She was an absolute genius as a comedic actress, with an extraordinary sense for comedic dialogue. It was a God-given gift. Believe me, in the last fifteen years there were ten projects that came to me, and I’d start working on them and I’d think, ‘It’s not going to work, it needs Marilyn Monroe.‘ Nobody else is in that orbit; everyone else is earthbound by comparison.”–

Billy Wilder, director of “Some Like it Hot and The Seven Year Itch


“She listens, wants, cares. I catch her laughing across a room and I bust up. Every pore of that lovely translucent skin is alive, open every moment-even though this world could make her vulnerable to being hurt. I would rather work with her than any other actress. I adore her.”
Montgomery Clift, Marilyn co-star in The Misfits“.
I’ve learned about living from her. I took her as a serious actress even before I met her. I think she’s an adroit comedienne, but I also think she might turn into the greatest tragic actress that can be imagined.”
Arthur Miller, writer and husband
***
Agora, algumas frases “autobiográficas” que mesmo em português são de-lovely e cheias de wit;-)
“Não me importo de viver num mundo feito por e para homens, desde que eu possa conti­nuar sendo uma mulher.
• Jane Russell recebeu 100 mil dólares da Fox para atuar em Os Homens Preferem as Loiras. Eu continuei recebendo meus mil dólares semanais. Quis saber por quê e me disseram: “Você ainda não é uma estrela”. Eu respondi: ‘Mas como, se a loura do título sou eu?”

***
“*No meu primeiro dia de fil­magem em O Segredo das Jóias, estava aterrorizada. Eu sempre tive medo dos estúdios. Mas John Huston aproximou-se de mim e disse: “Olha o Calhern (Louis Calhern, o ator), meu bem. Vê só como ele está se borrando ali no canto. Se você não ficasse nervo­sa também, meu benzinho, então era melhor desistir.


******
* Muitos incidentes marcaram a minha vida. Mas um dos que mais me deixaram angustiada foi com Tommy Rettig, o garotinho que trabalhou comigo em O Rio das Almas Perdidas. Era introvertido e certo dia perguntei-lhe por que nunca falava comigo. Ele respondeu: “É que minha mãe me disse que a senhora não era hoa companhia. Mas até que eu a acho muito boazinha”.

* Qualquer jovem estrela vibra quando recebe a primeira carta de um admirador. É como embebedar-se. Mas que pode significar para uma mulher um milhão de admiradores? Na vida, conta mais um só homem que represente o amor.Não é ruim pertencer ao universo imaginativo das pessoas, mas também me agradaria ser considerada como o que sou realmente.

*Por que pousei nua para um calendário? Ora, porque eu necessitava de 50 dólares que me pagariam. Além do mais a esposa do fotógrafo estava lá.

• Quando eu estava na quinta série, a escola me designou para figurar na cerimônia do amanhecer da Páscoa no Hollywood Bowl. Deram-nos um traje negro. Por baixo deste, vestimos túnicas brancas. Arrumaram todas as crianças em forma de cruz. Exatamente no momento em que o sol se levantava, deram-nos o sinal de abandonar as túnicas pretas, o que mudaria a cruz negra em cruz branca. Mas eu estava tão interessada na contemplação do céu, que não prestei atenção, nem vi o sinal. Fui a única criança que esqueceu de deixar o traje negro. Fui a única mancha negra sobre a cruz branca.

• O talento se cultiva na intimidade,. Mas as pessoas estão sempre atrás de você. Parece que elas gostariam de dispor de você, apossar-se de seus pedaço.

• Na época do macartismo, um alto funcionário da Fox’ disse-me que meu marido, Arthur Miller, deveria apontar nomes e que eu deveria convencê-lo a fazer isso ou então estaria liquidada. Eu disse: Estou orgulhosa da posição adotada por meu marido e permaneço ao seu lado até o fim
Afinal de contas, não estou numa escola militar.

*****

*A humanidade foi feita para !eliz, não foi? Gostaria de ser feliz.“·

******

Não me importo em ter de ser glamourosa e sensual. Mas as coisas que isso implica são urn fardo. Um objeto sexual se toma uma coisa. Detesto ser uma coisa.

******

Uma atriz é um instrumento delicado. Isaac Stern trata com o o cuidado seu violino. Que aconteceria se todo o mundo se pusesse a pisá-lo? A glória paraim é uma felicidade passageira parcial. Mas a glória não é um regime diário. Não é o que me alimenta. É como caviar, excelente e insuficiente. Nunca tive a sorte de conhecer a felicidade.

***

*“O sexo não é errado, se há amor nele. Porém muitas vezes, as pessoas agem como se estivessem fazendo ginástica mecânica.

***

*“Se sou uma estrela foi o publico que me fez estrela… não o estúdio nem ninguém em particular. O público.

***
“Você já esteve morando em uma casa com 40 quartos? Bem, multiplique minha solidão por 40.
*******


Há muito, muito mais. Mas para mim, isto é suficiente no dia em que se completam
45 anos de sua morte. Se é que estrela morre, pois ela está viva do que muita gente, mas muita gente *mmesssmo*!!!I love her so so much, M.

==========////////==========

P.S Virei responder todos os comentários.Obrigada, muito obrigada por quem veio e comentou.
Sim, Lord Broken-Pottery o leitor era você. E eu não o estava preservando. Partilho my concerns com você, milord.

Safiri, minha flor do Cedro, há muito tempo não digo que a amo. Repito agora:-) Beijo.

ATENÇÃO: Para quem dispõe do Canal 41 (também conhecido como) GNT; há uma série chamada BLONDE, baseada no livro de Carol Joyce Oates. Todos os domingos. 23:00h e nos horários alternativos segunda dia 06 às 04h30, 10h00, 14h00, 22h30 e terça dia 07 às 04h00h
É das pouquísima vezes que se tratam pessoas públicas como Marilyn com aquela coisa quase desaparecida chamada respeito.

Sobre sub rosa
The most of all things and persons in the entire world drives me *flabbergasted". That includes me.

11 Responses to MM- 45 anos depois.:o(

  1. Ó, essas letronas aparecem po puro passe de mágica.E só pra estragar a minha alegria.
    Eu sei, eu sei, fica feio, mas como fazer e o que contra elas?
    Já falei que vou doar meu cérebro pra NASA pra eles fazerem um estudo de caso e descobrirem as causas e salvarem trilhões de pessoas das minhas antice e burraldice digitais
    Grrrrrrrrrrrrr
    Bom dia! sao 7 e 25 da magdrugada. A lua inda corre alta..
    Minhs pálpebras vão fechar…
    Feliz domingo e um excelente inicio de semana.
    M.

  2. As letras estã ótimas para pessoas como eu, que enxerga pouco.
    Não brigue com elas, me fazem bem.
    Pois então, o caso dessa menina, tanto dinheiro, tanta beleza, tanto sucesso e tanta solidão, tanta infelicidade.
    Tudo muito e extremo.
    Que pena né? Porque será que alguns seres humanos não conseguem dosar as coisas de suas vidas?
    A impressão que me dá, é que condenadas a isso.
    Beijos queridinha e bom domingo.

    =====
    Aninha, minha linda!
    Foi um bom domingo,
    Merci, linda
    As letras não se compostam mesmo.
    Eu não sei lidar com elas.
    Beijo
    Meguit
    a

  3. Um beijo, MEG!
    Bom soninho aí.

    =-=-=-
    Valter, obrigada,
    Mas já acordei há tempos.
    O trabalho rouba tanto da nossa vida, não é?
    Beijos.
    Logo estarei indo lá
    Meguita

  4. Magaly says:

    Oh! Não se exaspere com o tamanho das letras. Pra mim, é o tamanho ideal, pois já estou na fase de usar lupa na tela.

    Estão esplêndidas suas considerações sobre a Monroe. Ainda bem que eu soube, no meu despreparo, valorizar sua habilidade ímpar para a comédia, sua beleza estonteante, sua figura sexy X aquele ar angélical que emanava de seu rosto.
    Pena que nunca tenha alcançado o estado de espírito ideal que se pode constatar como felicidade terrena.

    Daquelas confissões escolho duas:
    – I don’t mind living in a man’s world as long as I can be a woman in it.
    – I have too many fantasies to be a housewife…. I guess I am a fantasy.

    É, 45anos depois, ela está VIVA!

    =-=-=-=-=
    Isso mesmo, Magaly!
    yours
    Megg
    y

  5. acordabrasil says:

    Abaixo assinado pelo fim da CPMF !!!

    Olá amigos! Envio esta mensagem para pedir a ajuda de vocês em um abaixo assinado.

    Atenção não é vírus!!! É somente um link para o meu blog o acordabrasil onde poderão encontrar o abaixo assinado contra a cobrança da CPMF.

    Vamos lá pessoal, Chega de abaixar a cabeça e achar que temos que engolir tudo o que vem de Brasília…

    Segue endereço do meu blog:

    http://acordabrasil.wordpress.com/2007/07/28/abaixo-assinado-pelo-fim-da-cpmf/

    abraços…e ótimo fim de semana a todos…

  6. Elza says:

    Olá!!
    Estou passando por aqui para dar meus parabéns
    pela sua indicação, ao prêmio blog 5 estrelas!
    Seu blog é muito orinal, parabéns 2x!
    rsrs..
    boa semana.
    =]

    =-=-=
    Obrigada, Elza, mas isso me deixa com tantas dúvidas.
    Já falarei sobre isso.
    Beijos.
    Meg

  7. sandra says:

    É triste vê-la numa foto, tão linda, e saber que a depressão acabou com tantos sonhos…
    Solidão, mesmo que rodeada por milhares de pessoas, é algo que não deveria existir.

    Beijos maravilhada com o lindo post.

    =-=-=-=-=-=-=
    Sandra, eu fico tristíssima também,
    mas há alguma alegria em ver que ela não foi nem será esquecida.
    Um beijo, querida
    Estou indo lá nas suas duas casa:-)
    Meg

  8. Eduardo says:

    Meg, gostei de saber mais sobre essa mulher e estrela que tanto adoro.
    Seu Prêmio espera por você no Vaal, não se esqueça!

    Bjs
    =-=-=-=-=-
    Que bom, Eduardo. Ela é maravilhosa. Uma verdadeira diva.

    Os prêmios , vou falar sobre eles.

    Um beijos
    Meg

  9. Meg:
    vc não acha que o sucesso se deu porque ela morreu quando era ainda era jovem e bonita?

    =-=-=-=-=
    Lucas, eu acho que há pessoas *com* estrela e *sem* estrela.
    A Marilyn, realmente viveu mais tendo morrido, conforme vc diz.
    Mas que foi uma vida que merece tudo o que se escreveu sobre ela, como esse livro do Norman Mailer, e esse outro da Carol Joyce Oates, ah isso merece.

    Nunca me pergunto se morreu disso ou daqueilo.
    As pessoas morem quando morrem, outras vivem mais, se é que me faço entender.
    Beijo para a Sonia, e outro para vc.
    Meglyn

  10. Meg,
    Não vejo, como já disse, muita televisão. Um pouco de esporte às vezes. Ontem, porém, pude acompanhar na Universal, uma tal de maratona 4400. Achei a série bastante interessante. Vale ser vista.
    Grsande beijo

    -=-=-=-=-=-=
    Ah! Lord, eu vi o inicio da série e era ótima, produzida pelo Coppola, encheu-me de encantamento, quem viu sabe.
    Mas depois pensamos que havia sido retirada de cartaz tamanho foi o intervalo entre a primeira e as outras temporadas.

    Nunca mais consegui ver , pois vi que um *gap* enorme entre as minhas retomadas, prejudicaram a compreensão.
    Mas houve cenas e situações muitíssimo interesantes.
    Um beijo
    Meglyn
    P.S. Puxa, milord, você não gosta mesmo da Marilyn, do you?:-o(

  11. Meg,
    É mesmo, esqueci de falar da MM. É claro que gosto dela! Tem uma beleza pouco sofisticada mas sempre me comove. Existem pessoas que têm o dom de me entristecer. Há uma melancolia nos filmes, na figura, no jeito dela que não consigo explicar. Talvez por saber qual foi o fim que teve. Sinto parecido com relação a Elis Regina. Talentos que poderiam ter brilhado mais tempo.
    Beijão

%d blogueiros gostam disto: