FELIZ ANIVERSÁRIO, de 80 anos, querida MAGALY

Heem_Flower

Minha querida Magaly:

Sim, foi ontem o seu aniversário de oitenta anos.

E no entanto, você continua sendo a minha garotinha, minha filhota, por que é. Mas também por causa de toda a alegria, a única que é capaz de me arrancar risos, gargalhadas, quando tudo em volta está triste.

A única para quem confidencio todas, TODAS as coisa importantes, as mais importantes e até as menos que me acontecem no dia a dia.

É para você que eu devo o alívio para as coisas mais graves, as mais tristes, aquelas que às vezes me levam quase me levam ou levam a um ponto de desepero e a minha AMIZADE por você é tão evidente, tão aberta, evidente até o ponto de evanescência.

Voce é a minha fuga instantânea, para onde vou quando – ninguém mais consegue isso – quero recuperar a minha apreensão, apreensão de mim mesma, quando me perco.

Você é meu exemplo, é a minha AMIGA mais querida, repito sempre, e repito ainda para todos, a pessoa mais importante da minha VIDA.

E no entanto, eu estou escrevendo isso com atraso. Deve ser porque atrasos como esses só se concedem aos muito íntimos.

Receba, minha amada AMIGA, com os meus votos, trêmulos, sim, que espero sejam bem recebidos e concedidos por Deus, de muitos, ainda muitos anos de VIDA, para que possamos nos re-encontrar, rir juntas, abraçarmo-nos, ler juntas… enfim…

Receba, portanto, hoje e sempre, querida Magaly, minha querida poetisa:

o meu afeto maior, minha ternura indizível e a minha admiração permanente.

Sobre sub rosa
The most of all things and persons in the entire world drives me *flabbergasted". That includes me.

20 Responses to FELIZ ANIVERSÁRIO, de 80 anos, querida MAGALY

  1. Magaly disse:

    Querida Meg
    Pode alguém merecer tamanha manifestação de apreço e amizade? Não estou em mim de tanta comoção. Meu coração recebe suas palavras com extrema alegria e com aceitação ampla.
    A fina amizade que nos mantém próximas é realmente mortivo de perene gáudio. As horas de alegria e lazer virtual são a prova de que a distância é apenas um embaraço removível, secundário.
    Que estejamos sempre próximas dentro dessa atmosfera de cordialidade saudável em que a espontaneidade tem sido uma constante.
    Beijos, muitos beijos.

    OBSERVAÇÃO MINHA

    Nossa, que ela fala bonito que os meus olhos brilham de ler.

    E quanto à espontaneidade, egnte, devo confessar, que a Maga, querida, agüenta meu mau humor que é piramidal. Mas, não me critiquem nem me condenem: ele é todo voltado para mim mesma.
    Mais parabéns, Magaly! E perdoa, tá, bem?
    .

  2. Eduardo disse:

    Linda data, lindas palavras. Quero fazer coro à essas manifestações!Parabéns!

  3. Júnia disse:

    Viva a Magaly!! :-)))) E muitas felicidades, que é nossa também por contarmos com sua presença!

  4. Gepetto disse:

    Maria Elisa, parabéns pelo seu novo blog. Quando quiser ver fotos lindas, e delas se apropriar, vá ao BALEIAFRANCA. Teremos prazer com sua visita.

    RESPOSTA:

    Caro Gepetto:

    Muito, muito obrigada.
    Vou apropriar-me de algumas, sim.
    Um abraço
    Maria Elisa

  5. Jorge A. S. disse:

    Parabéns Magaly. Não tenho o prazer de a conhecer, mas oitenta anos e a coincidência de ser hoje também o dia de aniversário da minha filha Francisca, impeleM-me a deixar aqui votos de muitas felicidades…

    Meg, que prazer sabê-la de volta. O Carlos soprou-me a novidade. Não era segredo, pois não?

    p.s.: como pode verificar também estou a mudar de casa…espero que o WordPress me dê menos dores de cabeça que as que tenho tido até aqui…para já estou a gostar.

    Abraços.

  6. oliver34 disse:

    Oi, Meg,
    antes de mais nada, parabéns à Magaly! Ela merece.
    E pra você, amiga, os desejos de um belo fim de semana.
    beijos
    fernando cals

  7. Maria Elisa Guimaraes disse:

    Ahá!!!!!!
    Perdoem-me, por favor, pois vou começar a responder pelo grande amigo que só agora revela o seu lado escritor.
    Gostei muito, muito mesmo.
    O arquiteto também faz literatura!

    Foi por isso que me atrasei lendo seus contos à la Luiz Vilela.
    Parabepns,
    beijos.
    M.

  8. Maria Elisa Guimaraes disse:

    Jorge!
    Que emoção! Não, não era segredo, já foi mas não durou muito tempo.
    E se o Jorge vem aqui de algum modo trazido pelo Carlos – por quem nutro os melhores sentimentos de verdadeira Amizade – então é triplamente bem-vindo!
    Tinha já saudades suas. Não deixe de vir mais vezes. E muito, muito obrigada.
    Parabéns atrasados a menina Francisca.

    M.

  9. Matilda disse:

    Parabéns a Magaly.
    Oitenta anos é uma conquista e tanto!
    Um beijo, Meg, :).

  10. Suzi Hong disse:

    Meg querida.

    Ah… faz tanto tempo que deixei de pertencer à blogosfera. Não sabia que tinha esse cantinho aqui. Estou até atordoada, tentando me adaptar após as minhas longas férias.

    Fiquei super feliz, emocionada, ao ler seu comentário – sinal de que você aceitou meu convite. Espero poder encontrá-la mais agora, ainda que em meio a blogs, comentários, nesse mundo tão particular, tão pouco palpável e tão real ao mesmo tempo.

    Beijos!

  11. Magaly disse:

    Meg, o jeito é me apropriar de um pouco de seu espaço para responder aos amigos que me deixaram aqui tão simpáticas saudações e me fizeram assim muito feliz

    Referindo-me à sua observação abaixo de minha resposta, Meguita, você não tem mais do que se desculpar Eu, sim, vou ter que agradecer infinitamente tudo o que você me disse no post acima com tanta convicção e doçura.

  12. Magaly disse:

    Eduardo
    Gostei de sua participação e quero agradecer-lhe a simpatia do gesto com um abraço.

  13. Magaly disse:

    Querida Júnia,
    Viva voê também que sabe alegrar a gente, que se comunica com tanta espontaneidade, que é um doce de amiga
    Muitos beijinhos.

  14. Magaly disse:

    Jorge
    Em primeiro lugar, um beijinho especial para a Francisca, pelo seu aniversário.
    Confesso que fiquei tocada com sua idéia de parabenizar-me. Você acertou. É uma idade redondinha, gostosa de ser vivida. Estava mesmo ansiosa pela data para poder dizer feliz: sou octogenária. Não é sonoro?
    Obrigada.

  15. Magaly disse:

    Fernando
    Venho agradecer-lhe a gentileza da saudação. E saudá-lo pela bem sucedida incursão literária.
    Meus votos de sucesso em todas as suas áreas de atuação.

  16. Magaly disse:

    Matilda
    Agradeço-lhe o carinho. Oitenta anos é um bom tempo de vida, você está certa. Vamos ver se estarei a postos, daqui a uma década, para encher a boca de nonagenária. Será?
    Um beijo.

  17. flabbergasted2 disse:

    Ei, Magaly, mas o que vc fala bonito não tá no cartoon, em nenhum.

    Suzi Hong, ah! minha amada. Mon amie.
    Mesmo que você não me mandasse convite – ó eu ORGULHOSA de tê-lo recebido, eu iria atrás de você.

    Tô com você sempre mesmo quando nãoparece ou aparece e desejo para nós duas, uma vida longa nos blogs. De novo.

    Puxa, pedi o céu e mais as estrelas;-)
    As of me…mon amie:-))))

  18. gugala disse:

    Magaly, octagenária será somente uma palavrinha quando surpreender-se com o centenário, e blogando. Felicidades sempre.
    Parabéns tb à Maria Elisa pela bela e profunda homenagem.
    Bjs paulistanos

  19. Magaly disse:

    Gugala

    Boas falas, boas falas. Com saúde, topo mesmo.
    Mas do jeito que vai a carruagem, eu não enxergarei o pedido geral, em coro, das vítimas blogueiras: pare de blogar, vovó, pelamordedeus!
    Um abraço.

  20. Pingback: PAULO MENDES CAMPOS (II) - UPDATED « Sub Rosa (flabbergasted) v.2

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 744 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: